BEM VINDO(A) AO MEU BLOG! ESPERO QUE GOSTE... QUE O DEUS TRINO TE ABENÇOE E TE GUARDE VIU? - JEASIEL LÜZ

☼ Gigantes Diários

http://mauricioserafim.com.br/wp-content/uploads/silencio.jpg

Gigantes Diários 

(por Jeasiel Lüz)
"Deus, Tu és o Lugar em que me escondo;
Tu me preservas da angústia; Tu me cinges de alegres cantos de livramentos..." (Salmos 32.7)

Os meus dias, tão espinhosos.
São só as concretizações do que o Dono do Universo já havia me proferido em profecias...

Nunca me esqueço daquele culto de jovens em Papara no ano de 2013, onde Tu me alertaste de gigantes vindouros.
Em questão de minutos, quando o profeta anunciara a sua visão que teve comigo, palavras como cortantes entravam em mim, a minh'alma turbou-se, em um impacto tão grande que minhas juntas corporais adormeceram e minhas carnes estremeceram; as palavras que ouvi tomaram em um pouco de tempo as minhas forças vitais, a ponto extremo que cai no chão.
Senti como se estivesse sido atropelado por um veículo de grande porte. Já em solo, a ação que mais me dominava era chorar. Queria gritar bem alto porque o meu peito estava explodindo, mas as palavras não saiam, ainda mais os gritos, só brotavam as lágrimas nos respingos do meu silêncio.

Meus pensamentos afloridos. Em segundos, uma interminável introspectiva seguida de regados pensamentos de felicidade em todas minhas fontes de sorrisos e prazer, meus pais, meus irmãos, meus amigos, o cantar. Pensei em todas as minhas bases. Repentinamente me transportei para as minhas indagações de questionamentos e dúvidas, que eram regadas com meu infindável choro.
Em meu consciente eu perguntava: - "Pai, que guerra é esta que Tu me dizes que irei passar? Que gigantes são estes que terei de matar um a um todo dia? E qual destes gigantes mortais é o mais astuto, sagaz e malicioso que terei de vencer somente com o meu silenciar? Vencerei na esperança de ficar na minha, bem calado? TriUno, será que terei as forças e a sabedoria pra passar por cima deles e vencê-los esmagando o maior de todos eles?"

Anos mais tarde, em meus dias atuais; Poxa, vida! Bem no mesmo jeito que foi naquele ano profetizado! Como pode ser?! Nunca teve após a visão profética direcionada a mim, um dia sequer em que não apareça um gigante pra mim matar. Um absurdo! Eles astutamente já me esperam pra guerrear comigo já na minha primeira alva do dia, uma lástima!
Gigantes fortes, diferentes um dos outros, mas com a mesma sede, a de me destruir...

O gigante chamado Angústia sempre anda acompanhado com o gigante Desânimo. Estes dois são dos primeiros que chegam batendo na minha porta, e ainda correm e se escondem, mas quando menos espero, estes aparecem e me assustam. Acontece um estouro, e logo após aparece vários e vários gigantes sangrentos, incontáveis gigantes bem forjados e armados em minha direção; Falsidade, Hipocrisia, Partidarismo, Birra, Orgulho, Desamor, Desprezo, Inimizade, Perseguição, Desvalor, Calúnia, Egoísmo, Dor, Decepção, Ódio, Tristeza, Depressão e a Ingratidão, estes são os que aparecem no primeiro grupo de gigantes após os dois primeiros gigantes que bateram na porta pra iniciar a guerra; e os demais, não os pude contar pois são muitos. Todos fortemente armados e prontos pra em meu vacilo derrotar-me naquele mesmo dia.
Ao saírem de seu esconderijo, os gigantes-líderes trazem um gigante chamado Mágoa ainda recém-nascido vindo em seus braços, rumo a mim gritando que irei ser o cuidador deste bebê, e dizendo que ele iria crescer dia após dia ao meu lado.O gigante Mágoa entrou na minha alma dilacerando-a, ferindo-a profundamente, e abrindo as suas fendas internas para que os gigantes Angústia e Desânimo pudessem me enfraquecer e acabar de vez com tudo!

Em saber que é todo santo dia. Uma guerra após a outra.
Quando penso que após ganhar uma batalha, ao amanhecer os mesmos gigantes com novos meios, com novas estratégias, novas armas, os mesmos sim, só Deus, o meu General pode compreender...
Enfim. acredita que estou conseguindo vencê-los, um a um, todo dia?
Algo me diz bem no fundo meu ser que devo cantar, e que através do meu canto, o Supremo General Celeste iria aparecer e me ajudar nas sangrentas labutas.

Mas o que mais me intriga é que antes de matar cada gigante daquele dia, todos eles em seu ultimo suspiro ainda conseguem pronunciar em baixa voz: -"Que tolo você é! Bem mais que imaginava você é um idiota ao quadrado! Você é tão estúpido que até hoje em todas as batalhas ainda não detectou o maior gigante de todos nós, e que este a qualquer momento irá levantar a coria para todos os gigantes! Você está tão preso conosco que não viu que o maior de todos os gigantes que existem, é um chamado  'Eu'! O seu 'Eu' é o mais astuto, o mais fatal, o mais sagaz, o mais cruel, o mais avassalador, e o mais inteligente que existe!"
Eu tão cego no meu mar de dores, mergulhado nas minhas tribulações diárias, que não lembrei que o Todo-Poderoso havia me falado naquele ano de 2013 naquela humilde Igreja do interior de minha cidade. Mas, enfim, ufa! 'Tá muito difícil, mas mesmo espinhante usar as armas que naquele dia o General me sugeriu na boca do profeta, mas hoje eu uso!
Eu canto! Apenas canto!

Silenciarei... Esperarei... Confiarei...


-- -- -- 

Jeasiel Ferreira Lüz

Um comentário:

Ticiana disse...

Meu caro amigo, dizem que Deus reserva as grandes batalhas para seus grandes guerreiros. Foco, força e fé, que Deus é contigo!

Related Posts with Thumbnails

Assine o feed

Siga no Twitter

Postagens

Acompanhe

Comentários

Comente também